Apenas Um Policial – Sargento Lago

575

Eu acordo todo dia cedo, como todo trabalhador
Um bom pai de família, vivo do meu salário
Ser humano como outro igual
Sou um homem da lei a serviço do povo
Me orgulho de ser o que sou, eu sou um bom policial

Tá grilado comigo, eu não sou o perigo
Não me veja como um inimigo, eu sou apenas um policial

A serviço do bem à procura do mal
Eu não tenho bola de cristal
Pra saber quem é quem, todo mundo é igual
Me respeite como um cidadão

Que está só cumprindo seu dever, eu tenho que verificar
Se tá tudo certo
E se tá tudo certo vai com Deus, redobre a atenção
E fica sempre esperto

Pra manter a ordem não depende só de mim, cada um tem seu papel
O meu papel é policiar, a regra é clara, tem que respeitar

Eu não me vendo, quem tiver devendo não me leve a mal
Eu vou fazer o que a sociedade espera de um policial
Eu não me vendo, quem tiver devendo não me leve a mal
Eu vou fazer o que a sociedade espera de um bom policial

Dura lex sed lex

(fala)

Dura lex sed lex, a lei é dura mas é lei

A lei é dura, mas é ela que assegura a todo aquele que a trata e acata com respeito em sua cidadania

O sagrado direito de ser tratado, acatado e respeitado como um cidadão

E eu sou apenas um policial…

Sou apenas um cidadão que ama a sua nação e acredita na paz…
… e num mundo melhor pra todos nós

Pois todos temos o direito, o dever e a obrigação.
Direito até pra contestar a constituição, mas, sobretudo,
O dever e a obrigação de acatar e respeitar os códigos descritos na legislação
Pois é ela que também nos assegura o sagrado direito de ir e vir em segurança.

E eu…eu sou apenas um policial

E até que me provem ao contrário, o meu papel é policiar, a regra é clara: tem que respeitar

E não me queira mal tão somente por isso…

Pois é um compromisso… Eu fiz um juramento… Um juramento… Um juramento.

COMPARTILHAR
Sargento Lago (SP)
Ex-policial da ROTA e jornalista diplomado, Lago também é cantor e compositor de músicas que retratam a rotina policial. Na reserva da PMESP desde 2009, acabou de lançar o livro Papa Mike – A realidade do policial militar, após visitar todos as corporações do Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA