Oração do Policial Militar

1805
Oração do Policial Militar
Oração do Policial Militar

Senhor, muitos não sabem, mas Vós sabeis que não tenho dia certo, hora certa, local certo, obrigação certa, e a qualquer dia, a qualquer hora, onde houver alguém violando a lei, ali haverei de estar para fazê-la acatada e respeitada.

Senhor, Vós bem sabeis quão dura e difícil é minha missão. Quase sempre incompreendida pelos homens.

 

É triste, Senhor, empenhar-me no cumprimento de uma árdua missão e depois não me sentir recompensado, sendo injustamente alvo de todas as críticas, ataques e injúrias por uma imprensa apaixonada e mal informada.

É triste despedir-me do lar ao sair para um serviço e não poder, talvez, a ele retornar.

É triste, Senhor, partir alegre, feliz para o trabalho e em vez de retornar ao lar ser levado a um hospital.

Muitos não sabem, mas Vós sabeis, que num instante, numa fração de segundo, ante a iminência do perigo, terei de tomar uma decisão imediata, certa ou errada mas uma decisão que, mais tarde, calculada e friamente, na calma de um momento que não aquele, na tranqüilidade acolhedora de gabinetes, será apreciada e julgada.

Muitos não sabem, mas Vós sabeis que nas Vossas noites, nas madrugadas frias, estarei sozinho, anônimo, perdido nas ruas silenciosas e desertas, mas vigilante, velando para que a população tenha um sono tranqüilo, sem saber, sem ter certeza de que alguém, vela pelo sono dos que em casa ficaram.

Mas, apesar de tudo é compensador, é consolador o sentimento do dever cumprido e o que é mais importante:

Saber, Senhor, que sou útil à sociedade.

É consolador saber que a minha simples presença evitou que um delito se consumasse.

É consolador saber que o delinqüente que matou, que feriu, que assaltou, que perturbou a tranqüilidade alheia, não mais matará, não mais ferirá, não mais assaltará, não mais perturbará a ninguém porque foi entregue á Justiça.
É consolador ver o sorriso inocente das crianças alegres seguras nas escolas, nos parques, ao atravessarem as ruas, porque ali estarei sempre atento e vigilante.

Senhor, dai-me coragem e serenidade para enfrentar o inimigo da lei e da sociedade e que nunca, Senhor, nunca, seja obrigado a usar a arma que o Estado coloca em minhas mãos e que eu possa sempre empregar o poder da palavra, da persuasão, da astúcia e da inteligência.

E quando porventura, falharem todos esses argumentos e tiver que empregar a violência, iluminai-me, Senhor, para que eu possa usar tão somente o mínimo necessário.

Dai-me, enfim, coragem, força e ânimo para renovar diariamente, o compromisso solene que prestei perante Vós, de defender a honra e a integridade da pátria e da sociedade até com o sacrifício de minha própria vida.

Por Cap PM A. Pompeu

COMPARTILHAR
Stive
Stive é o portal de Segurança e Defesa que está revolucionando a forma como a comunidade Law Enforcement encontra notícias relevantes. Stive é o destino on-line mais abrangente e confiável para as autoridades e instituições policiais em todo Brasil.

7 Comentários

    • PEÇO E ROGO A JESUS, QUE PROTEJA TODOS OS POLICIAS NESSA JORNADA DIFICIL, QUE OS GOVERNANTES DEIXARAM
      CHEGAR A ESSE PONTO. VIVEMOS EM GUERRA.
      SOFRE AS MAES DO DOIS LADOS.
      QUE JESUS COM SEU MANTO SAGRADO PROTEJA E OS SANTOS GUERREIROS, PROTEJA TODOS VCS.
      E OS ESPIRITOS DE LUZ, CHICO XAVIER, ALAN KARDEK , FREI LUIZ ETC. ESTEJA DO LADO DE VCS NESSA LUTA DO DIA A DIA.

  1. Realmente, o compromisso que temos com a sociedade nos levam
    a risco constante de vida. A violência é notória em todos os cantos
    do país. precisamos manter-nos atentos e vigilantes vinte e quatro
    horas. Somente Deus com sua benção para nos proteger.

  2. Companheiro, sinto essa responsabilidade em meu coração. Entendo sua humildade e coragem de revelar nessa palavras (uma oração) aquilo o que todos os policiais pensam e poucos conseguem dizer.Tenha a certeza de que suas palavras serão lembradas amanhã. Parabenizo Um forte abraço.

  3. sr cap parabéns pela criação pois somos contagiados pela dureza do dia-a-dia e muitas vezes nos esquecemos que por trás da farda está mais um sonhador e sensível cidadão que busca a proteção dos colegas em serviço ; e que esta atribuição sozinha não é o bastante : mas com a poderosa intercesão de DEUS somos libertos todos os dias o quanto lembrarmos que é dele o maior mérito por voltarmos para nossos lares ! GRATO E BENÇÃOS SEM MEDIDAS , AMÉM !

DEIXE UMA RESPOSTA