Bombeiros do Rio ocupam quartel central e comandante geral da PM entra no meio da manifestação para negociar desocupação

Em meio à manifestação dos bombeiros, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Mario Sérgio Duarte, está no gabinete do comando do Corpo de Bombeiros reunido com oficiais da corporação.
Continuar lendo

Caso do Major dos bombeiros ganha repercussão nacional após ser preso por secretário de Alagoas

Este vídeo mostra uma matéria da Globo News em Alagoas em que o Corpo de Bombeiros foi  acionado para atender uma ocorrência de incêndio em uma galeria de artesanatos onde a  população ficou revoltada pela falta de recursos logisticos da corporação.

Após prestar as seguintes declarações o Major Carlos Burity ficou detido e a repercusão em rede social explodiu…

O Secretário de Defesa de Alagoas gerou uma boa oportunidade de ascensão política ao Major Carlos Burity. Que pode até ser o próximo candidato a prefeitura de Maceió pelo PSOL. Já que conta até com apoio da ex-senadora e candidata a presidência da república Heloísa Helena.

Veja o que disse o Secretário em seu twiter:

Se a situação estava ruim para o Estado de Alagoas pela falta de condições materiais, após então a repercussão negativa da prisão ficou muito pior. A decisão do secretário de defesa também deveria ser punida disciplinarmente(se fosse possivel) já que foi participe e causou uma crise governamental maior, repercutindo em todo Brasil e refletindo no partido. O PSDB tem se mostrado no cenário nacional um partido visionário que não combina com uma visão arcaica do Secretário de Defesa de Alagoas Dário Cesar.

Desta maneira o Governo foi visto pela população e entes da federação em plena era da revolução digital como um estado arcaico, atrasado etc. Enquanto que o Major Carlos Burity que recebeu a punição tornou-se um herói, com grandes chances de ascensão na carreira política.

Vejam o que a câmara de vereadores pensa a respeito do Major Carlos Burity

Atualização

Soubemos pelo blog do Major Burity que o mesmo teve sua prisão disciplinar revogada.

“Da mesma forma como fui avisado de que estava preso eu recebi a notícia de estava livre, sem explicação. Não me arrependo de nada da vida. Tenho 35 anos e esse foi o momento mais tenso em minha vida. Não dá para falar mais nada”, disse o major, que entrou com pedido de licença prêmio, de três meses. “Quero descansar um pouco”, afirmou ele.

“Colocamos o jurídico da associação à disposição do major [Burity] para o caso de ele entender que teve sua honra maculada e queira processar o Estado”, disse o major Fragoso.

Vídeo em homenagem ao desabafo do Major Burity

Governo do Amazonas exonera cúpula da Polícia Militar

Uma semana após a posse do novo secretário de Segurança Zulmar Pimentel, o governador Omar Aziz (PMN) definiu nesta segunda-feira (28) as mudanças no comando da Polícia Militar do Amazonas.

Para assumir a função de comandante da Polícia Militar em substituição ao coronel Dan Câmara, Omar convidou o atual coordenador do Grupo de Gestão Integrada da Secretaria de Estado da Segurança Pública, Coronel Almir Davi Barbosa e como subcomandante, o também coronel José Alves da Silva, no lugar de Raimundo Oliveira Filho.

Coroneis Herbert Campos de Araújo, Almir Davi Barbosa e José Alves da Silva irão compor a nova cúpula da PM no AM

Coroneis Herbert Campos de Araújo, Almir Davi Barbosa e José Alves da Silva irão compor a nova cúpula da PM no AM

A chefia do Estado Maior, exercida atualmente pelo coronel Hiltomar Régis, ficará sob o comando do coronel Herbert Campos de Araújo.

Almir Davi já esteve à frente do Comando de Policiamento Especial (CPE) e é considerado ‘homem ficha limpa’ dentro e fora da instituição.

José Alves da Silva tem 47 anos, 27 deles dedicados à Polícia Militar do Amazonas. Coronel Alves foi o 1º comandante do Batalhão de Policiamento Ambiental.

 

Para outros segmentos da imprensa o comando geral da polícia teria caido por conta do fato da publicação do vídeo publicado exatamente uma semana depois da denúncia da imprensa, em que um menor de 14 anos leva três tiros de um policial. O flagrante foi em agosto do ano passado. O garoto sobreviveu à tentativa de homicídio e hoje faz parte do programa de proteção à testemunha. Sete policiais envolvidos na ação estão presos.

 

 

 

 

A saída de Dan Câmara acontece exatamente uma semana depois da denúncia do Jornal da Record, em que um menor de 14 anos leva três tiros de um policial. O flagrante foi em agosto do ano passado. O garoto sobreviveu à tentativa de homicídio e hoje faz parte do programa de proteção à testemunha. Sete policiais envolvidos na ação estão presos.

Veja a reportagem do Jornal da Record

Comandante Geral do DF é afastado por envolvimento com corrupção

Enquanto há comandante geral na rua detendo bandidos,  outro é afastado por envolvimento com esquema de corrupção. Foi o que aconteceu no Distrito Federal com o  coronel Cerqueira, dias após o aniversário de 200 anos da PMDF. Segundo o Estadão:

O promotor Mauro Faria de Lima sustenta em sua acusação que o grupo de policiais pagou quase R$ 1 milhão a uma concessionária da Mitsubishi, em Brasília, que teria fornecido notas frias por serviços não prestados. Só no ano passado, de acordo com a investigação do Ministério Público Militar, a despesa com esses serviços chegou a R$ 29 milhões. A maioria dos contratos foi feita sem licitação.

Continuar lendo

REPERCUSÃO: Coronel é PRESO por POSTAR em blog

Depois da exclusão absurda do Maj. Wanderby do quadro  de acessos, agora uma notícia ainda mais assustadora envolvendo  Blogs policiais no Rio de Janeiro. UM CORONEL É PRESO ADMINISTRATIVAMENTE, POR 5 DIAS.

O  Rio de Janeiro  é o Estado em que MAIS há registros de existências de blogs policias(dez vezes maior que a média nacional) e todos MUITO ativos.

Esta grande atividade dos blogs policias deve-se, sem dúvida,  pela inconformidade de policiais idealistas com o descaso das POLÍTICAS DE  GOVERNO com a Segurança pública no Rio. POIS parece que o  Governador Sérgio Cabral  prefere investir APENAS na cúpula da PM,  como aconteceu com o aumento salarial de 223% para eles e  para os demais NADA.

O RIO DE JANEIRO é o estado em que mais morre policiais no dia-a-dia, sendo ainda o pior salário do país.

o-dia-11mar09

O Coronel Ronaldo Antonio de Menezes esta PRESO simplesmente porque publicou um artigo no blog do Coronel Ricardo Paul.

VEJA A REPERCUSÃO NOS PRINCIPAIS JORNAIS DO PAÍS:

Coronel da PM é preso por publicar artigo.
http://oglobo.globo.com/rio/mat/2009/03/10/coronel-da-pm-preso-por-publicar-artigo-754768608.asp

Presidente da Assinap comenta prisão de coronel.
http://extra.globo.com/geral/casodepolicia/post.asp?t=presidente-da-assinap-comenta-prisao-de-coronel&cod_Post=167521&a=443

Coronel da PM é preso no Rio por publicar artigo sobre os “bicos” feitos por policiais.
http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u532456.shtml

Coronel critica PM e acaba preso em Niterói.
http://odia.terra.com.br/rio/htm/coronel_critica_pm_e_acaba_preso_em_niteroi_235065.asp

Coronel que criticou a Polícia Militar é preso em Niterói.
http://jbonline.terra.com.br/pextra/2009/03/10/e100321093.asp

DIRETO DO BLOG DO CORONEL DE POLÍCIA PAULO  RICARDO PAÚL

O Rio de Janeiro é o cartão postal do Brasil e também uma das principais economias do país, seus governantes precisam levar a Segurança Pública mais a sério.

enfim.. o CORONEL SOLTO

Em Goiás felizmente as coisas não são assim e parecem estar cada vez melhores, pois tivemos muita sorte com os dois últmos Governadores(Marconi e Alcides) e com os dois últimos  Comandantes-Gerais(Cel Edson e Cel Antônio)  devido o cuidado em que se há com os policiais e bombeiros de todo Estado. Muitas mudanças já ocorreram nesses últimos cinco anos, a exemplo disso tivemos um aumento salarial de mais de  100% , pistola .40 para todos os  policiais, colete balistico e viaturas novas…

Talvez o maior culpado desta mudança seja a visão do administrador de empresas e ex-secretário de segurança pública do estado de Goiás, José Paulo Loureiro, que investiu na melhoria da qualidade de vida dos policiais.

42 policiais foram executados em dois anos no Pará

083414pmm

Ser policial no brasill não é fácil, pois  além de arriscar suas vidas  diariamente,  ganhar muito mal, ainda há pouco reconhecimento.

Pensando na valorização da vida do policial do Rio de janeiro,  que  o Tenente Alexandre criou o contador de policiais mortos.

Em Goiás a valorização do policial é a principal meta d o  novo Comandante-Geral, Coronel Carlos Antônio Elias que assumiu o comando no final  de 2008 e que faz isso com entrega de medalhas para o serviço operacional e com outras medidas relacionado a saúde físico e mental do policial da ativa e da reserva.

No Pará, segundo a fonte do DIÁRIO, comparativamente, devido à natureza do trabalho, a Polícia Militar é a que apresenta maiores taxas de mortalidade entre os órgãos de segurança. Uma das grandes motivações para que o número de mortos fora de serviço seja alto é que existe um percentual de policiais militares que, para complementar a renda, exercem durante as folgas outras atividades, principalmente na área de segurança privada. Logo, os policiais, mesmo fora de serviço, continuam ocupando o tempo livre em trabalhos que também possuem elevado risco de morte.

083214pm

Já entre os mortos em serviço ou no momento que estão retornando para casa, a maioria é vítima de emboscadas por parte de criminosos. Como foi o caso do cabo Cunha, da Rotam, que foi executado no bairro do Curuçambá e provocou uma violenta reação da polícia que resultou em mais 5 mortes.Em 2007, os números começaram em janeiro e não pararam. Em Redenção, o cabo José Estevam dos Santos, pertencente ao efetivo do 7º BPM, foi encontrado no dia 8 de janeiro morto com um tiro na cabeça. Ele estava de licença sem vencimento e iria se apresentar no dia 10 de janeiro.

Veja a seguir as situações em que esses policiais militares foram mortos.

Continuar lendo

Concurso da Marinha é alvo de denúncia

Levar o navio para dentro do porto não é tarefa do capitão. É do prático, profissional com salário de até R$ 130 mil por mês. As poucas vagas de prático são muito cobiçadas, e o último concurso virou um festival de denúncias. Uma delas trazida à redação do “Jornal da Globo” por um telespectador. A reportagem é de Vladimir Netto

Clique  abaixo para  assistir o vídeo:

Continuar lendo